Notícias

0

Representante do MIT apresentou a plataforma online “Monitorando a Cidade” para os moradores da região; o aplicativo é uma ferramenta que contribui para a cidadania e é alimentado pela própria população.

O Instituto Alana levou no dia 23 de abril o MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) ao Espaço Alana, no Jardim Pantanal, na Zona Leste de São Paulo, para a realização de uma oficina sobre o aplicativo Monitorando a Cidade, desenvolvido pelo MIT Center for Civic Media e trazido para o Brasil pela Rede Nossa São Paulo. O centro, com sede nos Estados Unidos, trabalha com diversas comunidades para criar colaborativamente ferramentas e práticas de mídia cívica. O centro desenvolve novas tecnologias que servem de suporte para ações políticas em todo o mundo.

O Monitorando a Cidade permite que qualquer cidadão com um smartphone colete dados sobre temas que considera prioritários em sua região. As informações reunidas na plataforma oferecem um panorama geral do problema que pode ser usado como uma poderosa ferramenta de cidadania para informar a sociedade, mobilizar apoios e engajar a comunidade.

Na oficina do MIT, ministrada pela desenvolvedora Emilie Reiser, no Jardim Pantanal, os moradores discutiram os problemas mais relevantes da região e elegeram o lixo como questão para ser trabalhada com o aplicativo. Depois de uma apresentação sobre o funcionamento do Monitorando a Cidade, o grupo saiu a campo para coletar os dados. No final da atividade a ferramenta gerou um relatório com as informações obtidas e os resultados foram debatidos pelos participantes da oficina que apresentaram algumas soluções para os problemas encontrados.

A plataforma contribui para que comunidades se mobilizem, demandem ações do poder público e reivindiquem soluções para os problemas identificados.

Veja a galeria de fotos da oficina:

 

Comentários ( 0 )

    Comente

    Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos necessários *

    X