Notícias

0

As produções tiveram estreia na Ciranda de Filmes 2017 e já estão disponíveis no VIDEOCAMP.

Território do Brincar lançou, durante a Ciranda de Filmes 2017, dois novos filmes: o média-metragem ‘Terreiros do Brincar’ e o curta ‘Waapa’. As duas produções, correalizadas pelo Alana e produzidas pela Maria Farinha Filmes, já estão disponíveis na plataforma VIDEOCAMP para exibições públicas e gratuitas.

O documentário Terreiros do Brincar é um retrato da diversidade de comunidades tradicionais do Brasil e de como esse pluralismo se traduz num extenso repertório de manifestações populares, cujas tradições são aprendidas desde a infância. Como caiçaras, quilombolas, ribeirinhos, caipiras, jangadeiros, pantaneiros, sertanejos, entre outros, se relacionam com o brincar dentro dessas manifestações? Essa relação é mostrada no filme dirigido por Renata Meirelles e David Reeks, assim como a participação de crianças na relação com o brincar coletivo.

Numa mesma linha de abordagem e investigação, o curta metragem Waapa mostra o brincar do povo Yudjá, da aldeia indígena Tuba Tuba, que habita as margens do rio Xingu, no Mato Grosso. Esse povo trata a criança e suas experiências entendendo que é preciso protegê-la e prepará-la para viver, além de fortalecer seu corpo e alma durante o crescimento. Dirigido por Renata Meirelles, David Reeks e Paula Mendonça, o filme convida o espectador para um mergulho no brincar e nas influências de uma relação espiritual com a natureza que envolve a infância Yudjá.

Tanto Terreiros do Brincar quanto Waapa buscam retratar o brincar por novos ângulos e nuances, explorando os saberes populares e a ligação espiritual estabelecida entre as pessoas, natureza e cultura. Os dois filmes reforçam a importância de garantir às crianças uma infância permeada pelas brincadeiras, rituais e manifestações populares, permitindo a elas um brincar livre e espontâneo.

As duas novas produções do Território do Brincar agora integram o catálogo de filmes do VIDEOCAMP, que acredita no poder do cinema para transformar realidades e para isso tem como missão colocar questões socialmente relevantes em pauta, divulgando causas que merecem ser amplificadas e histórias que merecem ser contadas.

 

Comentários ( 0 )

    Comente

    Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos necessários *