Author: laura

Foto da Semana Mundial do Brincar mostra uma mulher segurando, em uma vareta, t√ļnel feito por tecidos coloridos

A iniciativa da Semana aqui no Brasil √© da Alian√ßa pela Inf√Ęncia e est√° vinculada ao Dia Mundial do Brincar, celebrado em 28 de maio.¬†

Entre os dias 21 e 27 de maio, o Espa√ßo Alana celebrou a 8¬™ Semana Mundial do Brincar com muita m√ļsica, brincadeiras, conta√ß√£o de hist√≥rias, circuito de atividades f√≠sicas e oficinas de constru√ß√£o de brinquedos! O tema da edi√ß√£o deste ano foi ‚ÄúO Brincar que Encanta o Tempo‚ÄĚ, para propor a reflex√£o sobre o poder que as crian√ßas t√™m de encantar os lugares onde o brincar acontece.

Na abertura no Espa√ßo Alana, o p√ļblico curtiu um show da Banda Alana e, em seguida, se divertiu com pinturas de rosto e brincadeiras tradicionais, como corda, pi√£o, amarelinha etc. No dia 22, no audit√≥rio do Espa√ßo Alana, aconteceu o 2¬ļ Painel Inf√Ęncia e Ludicidade, que reuniu 150 educadores de S√£o Miguel Paulista e regi√£o para atividades relacionadas ao tema ‚ÄúTempo de Leitura: A Literatura √© um Universo de Brincar!‚ÄĚ. Durante o painel, o Espa√ßo recebeu Cl√°udio Oliveira e Felipe Surian para uma conta√ß√£o de hist√≥ria e Adriana Friedmann e Renata Meirelles para uma roda de conversa com educadores. Para encerrar, um sarau com poetas da terceira idade.

Ao longo da semana, aconteceram apresenta√ß√Ķes para crian√ßas da Cia BuZum de teatro itinerante, com o espet√°culo ‚Äô13 Gotas‚Äô, uma Feira de Trocas de Brinquedos e uma oficina de desenhos realizada pelo coletivo Arte e Cultura na Kebrada. Para encerrar a semana, o pocket show ‚ÄėVila de F√°bulas‚Äô, com Eduardo Sena e banda, e apresenta√ß√£o musical do Cord√£o folcl√≥rico de Itaquera Sucatas Ambulantes.

Ao longo da Semana cerca de 2 mil pessoas passaram pelo Espaço Alana, entre crianças, adolescentes e educadores da região. Foi uma semana animada e divertida, que venha a próxima edição!

Semana mundial do Brincar no Espaço Alana. Foto: Márcia Duarte
Semana mundial do Brincar no Espaço Alana. Foto: Márcia Duarte
Semana mundial do Brincar no Espaço Alana. Foto: Márcia Duarte
Semana mundial do Brincar no Espaço Alana. Foto: Márcia Duarte
Semana mundial do Brincar no Espaço Alana. Foto: Márcia Duarte
Mesa branca, com v√°rias m√°scaras coloridas de carnaval

Para o Alana, educa√ß√£o e cultura caminham juntas, sempre. Seja na sua atua√ß√£o na zona leste de S√£o Paulo, seja nas produ√ß√Ķes que promove, o Alana entende que educa√ß√£o e cultura s√£o indissoci√°veis e ambos s√£o o cerne da inf√Ęncia. A partir desse olhar, o Alana foi indicado na categoria de Institui√ß√£o Cultural ao Pr√™mio Governador do Estado 2017. O resultado divulgado dia 29 de maio, na cerim√īnia de premia√ß√£o no Teatro S√£o Pedro, nos comoveu: pelo voto popular o Alana foi o vencedor da categoria.

O Alana, desde o seu surgimento, atua nesse percurso entrela√ßado. O Espa√ßo Alana, criado h√° 20 anos, oferece uma¬†programa√ß√£o cultural que contempla atividades liter√°rias, teatrais, oficinas de brinquedos, entre outras. Criada em 2007, a Banda Alana tem entre os integrantes crian√ßas e jovens da zona leste – em 2016, realizou 24 espet√°culos para cerca de 10 mil espectadores. Essa busca pela rela√ß√£o da crian√ßa com a cultura tamb√©m aparece no projeto Territ√≥rio do Brincar, que tem como proposta escutar, registrar e difundir a cultura da inf√Ęncia. E tamb√©m em todos os filmes que o Alana apresentou em parceria com a¬†produtora Maria Farinha Filmes, como o¬†pr√≥prio longa-metragem¬†Territ√≥rio do Brincar;¬†Muito Al√©m do Peso,¬†Tarja Branca; e¬†O Come√ßo da Vida.

Esse reconhecimento celebra a atua√ß√£o do Alana e nos inspira para seguir nessa trilha, nos nossos programas, projetos e iniciativas com parceiros. Obrigada a todos que votaram e acreditam no trabalho do Alana em buscar¬†caminhos transformadores para as novas gera√ß√Ķes.

2017 05 29_Premio Governador do Estado_©Heloisa Bortz_241_web

Foto: Divulga√ß√£o | Erika Pisaneschi, Rela√ß√Ķes Institucionais do Alana.

 

Foto: Juliana Sim√Ķes | Alana

Banners dos filmes "Waapa", com uma criança indígena com um arco e flecha, e do "Terreiros do brincar", com fitas coloridas

As produ√ß√Ķes tiveram estreia na Ciranda de Filmes 2017 e j√° est√£o dispon√≠veis no VIDEOCAMP.

O¬†Territ√≥rio do Brincar lan√ßou, durante a Ciranda de Filmes 2017, dois novos filmes: o m√©dia-metragem ‚ÄėTerreiros do Brincar‚Äô e o curta ‚ÄėWaapa‚Äô. As duas produ√ß√Ķes, correalizadas pelo Alana e produzidas pela Maria Farinha Filmes, j√° est√£o dispon√≠veis na plataforma VIDEOCAMP para exibi√ß√Ķes p√ļblicas e gratuitas.

O document√°rio Terreiros do Brincar √© um retrato da diversidade de comunidades tradicionais do Brasil e de como esse pluralismo se traduz num extenso repert√≥rio de manifesta√ß√Ķes populares, cujas tradi√ß√Ķes s√£o aprendidas desde a inf√Ęncia. Como cai√ßaras, quilombolas, ribeirinhos, caipiras, jangadeiros, pantaneiros, sertanejos, entre outros, se relacionam com o brincar dentro dessas manifesta√ß√Ķes? Essa rela√ß√£o √© mostrada no filme dirigido por Renata Meirelles e David Reeks, assim como a participa√ß√£o de crian√ßas na rela√ß√£o com o brincar coletivo.

Numa mesma linha de abordagem e investiga√ß√£o, o curta metragem Waapa mostra o brincar do povo Yudj√°, da aldeia ind√≠gena Tuba Tuba, que habita as margens do rio Xingu, no Mato Grosso. Esse povo trata a crian√ßa e suas experi√™ncias entendendo que √© preciso proteg√™-la e prepar√°-la para viver, al√©m de fortalecer seu corpo e alma durante o crescimento. Dirigido por Renata Meirelles, David Reeks e Paula Mendon√ßa, o filme convida o espectador para um mergulho no brincar e nas influ√™ncias de uma rela√ß√£o espiritual com a natureza que envolve a inf√Ęncia Yudj√°.

Tanto Terreiros do Brincar quanto Waapa buscam retratar o brincar por novos √Ęngulos e nuances, explorando os saberes populares e a liga√ß√£o espiritual estabelecida entre as pessoas, natureza e cultura. Os dois filmes refor√ßam a import√Ęncia de garantir √†s crian√ßas uma inf√Ęncia permeada pelas brincadeiras, rituais e manifesta√ß√Ķes populares, permitindo a elas um brincar livre e espont√Ęneo.

As duas novas produ√ß√Ķes do Territ√≥rio do Brincar agora integram o cat√°logo de filmes do¬†VIDEOCAMP,¬†que¬†acredita no poder do cinema para transformar realidades e para isso tem como miss√£o colocar quest√Ķes socialmente relevantes em pauta, divulgando causas que merecem ser amplificadas e hist√≥rias que merecem ser contadas.

 

X